quinta-feira, 27 de julho de 2017

CONHEÇA 7 BENEFÍCIOS DA CAMINHADA E COMECE A PRATICAR...

FONTE:, Notícias Ao Minuto, (http://www.msn.com).


Todos sabem a importância de ter uma alimentação saudável e praticar atividades físicas. No entanto, 100 milhões de brasileiros ainda são sedentários, segundo pesquisa divulgada pelo IBGE. A obesidade entre os brasileiros também vem aumentando e já pode ser considerada uma epidemia em adultos e crianças.

A obesidade altera totalmente o funcionamento do corpo, sendo a causa para inúmeros problemas como hipertensão, alteração no colesterol, diabetes tipo 2, depressão, ansiedade, estresse, síndrome do pânico, enxaqueca e dores de cabeça, miopia transitória, problemas cardiovasculares e até desenvolvimento de câncer.

Para reverter esse quadro, uma atividade simples pode ser incluída na rotina diária: a caminhada. É uma maneira fácil de sair do sedentarismo, combater a obesidade e pode ser praticada por crianças, jovens e adultos sem restrição.

“Abandonar o sedentarismo não é uma tarefa fácil. Para começar, é necessário ter uma dose extra de determinação, força de vontade, criar metas, ter foco e realizar, pelo menos, 150 minutos de atividade durante a semana, ou seja, 30 minutos. Inicie com uma caminhada leve, faça respirações longas, recupere o fôlego e continue a atividade. Vida saudável significa longevidade. Os resultados são infinitos e valem para a vida toda. Nunca é tarde para começar”, alerta Eduardo Netto, diretor técnico da Bodytech Company.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Universidade de Harvard, é fundamental gastar em média 300 calorias por dia para sair do sedentarismo. Pequenas atitudes diárias também contribuem para mudar hábitos: deixar o elevador e a escada rolante e optar por subir e descer escadas físicas ou mesmo saltar do ônibus um ponto antes do habitual, aumentando assim o tempo de caminhada. Essas atitudes diminuem em aproximadamente 30% as chances de doenças cardiovasculares.

O fisiologista Jakson Couto, coordenador técnico da Bodytech Indianópolis, lista sete benefícios e mudanças que acontecem no corpo durante a caminhada.

1) Melhora a circulação (o retorno venoso é aprimorado com a ajuda da bomba muscular – coração, ajustando a circulação arterial) e a função respiratória (ventilação nos pulmões);

2) Combate a osteoporose - vários estudos comprovam que os pequenos impactos no momento da caminhada são benéficos para os ossos;

3) Dose extra de ânimo: durante a atividade, o corpo libera endorfina - hormônio responsável pela sensação de prazer e bem estar;

4) Diminui a sonolência e melhora a insônia: o cansaço causado pela caminhada ajuda o corpo a relaxar e adormecer mais rápido;

5) Previne doenças cardíacas: ao controlar a pressão arterial é possível prevenir a grande maioria das doenças do coração. O corpo e o coração ficam com as funções vitais mais equilibradas;

6) Melhora a diabetes: o exercício aumenta a circulação e o fígado e o pâncreas recebem mais sangue. Em uma caminhada forte o corpo produz mais insulina. Este benefício vale também para pessoas que possuem alguma disfunção no fígado ou pâncreas;

7) Relaxamento muscular: ao praticar qualquer tipo de atividade física diversos hormônios são liberados pelo corpo. Um deles é a serotonina, responsável pela sensação de prazer pós-exercício e ajuda a relaxar a musculatura do corpo.

CERTAS BACTÉRIAS QUE HABITAM O PÊNIS PODEM AUMENTAR O RISCO DE HIV...

FONTE:, Ryan F. Mandelbaum, (http://www.msn.com).



A transmissão de HIV é um processo complexo com fatores que vão além de com quem você transa e como. O vírus basicamente precisa encontrar seu caminho até os tipos corretos de células para conseguir causar caos. E parte do risco, pelo menos para aqueles com pênis, pode vir de tipos de bactérias que habitam a ponta do órgão.

Uma equipe de pesquisadores analisou as bactérias vivendo no prepúcio de pacientes na Uganda e descobriram níveis mais altos de certos tipos de bactéria em pacientes que permaneciam como HIV negativos, contra aqueles que contraíram o HIV durante o curso de um outro estudo. Os cientistas acham que controlar bactérias específicos no pênis, talvez com um antimicrobiano que as tenha como alvo, poderia ajudar a reduzir o risco de infecção de HIV.

As amostras vieram de um teste realizado de 2004 a 2006 e incluíam 182 pacientes não circuncidados, 46 dos quais se infectaram com HIV e 136 que não se infectaram. Todos eles tinham aproximadamente a mesma quantidade de bactérias em seus pênis, mas aqueles que acabaram pegando HIV tinham números maiores de tipos de bactérias que não precisam de oxigênio para sobreviver (chamadas de "anaeróbios"), incluindo Prevotella, Dialister, Mobiluncus e Murdochiella, de acordo com o 
estudo publicado na terça-feira (25) no periódico mBio.

Os pesquisadores têm um palpite para o que fez com que indivíduos com certas bactérias anaeróbias contraíssem HIV: um aumento em moléculas que atraem glóbulos brancos produzido por células no prepúcio. Essas moléculas poderiam especificamente atrair os tipos de glóbulos brancos mais suscetíveis a uma infecção de HIV. "Portanto, a resposta do sistema imune às mudanças no microbioma peniano pode facilitar infecção produtiva por HIV", escreveram os autores no estudo. Essas bactérias podem, em outras palavras, estar alterando o comportamento do sistema imune para promover uma infecção de HIV.

Obviamente, isso é apenas uma associação, apresentada por um estudo só, mas acrescenta um detalhe importante para o todo. Sim, os tratamentos atuais podem reduzir as chances de um paciente transmitir a doença para quase zero, 
de acordo com a CNN. Esse novo estudo aponta para novas estratégias para ajudar aqueles que podem não ter acesso aos tratamentos — os populares tratamentos de prevenção PrEP seguem indisponíveis em algumas áreas da África, por exemplo. Além disso, pesquisas antigas já mostraram que a circuncisão diminui as chances de um paciente contrair HIV.

Pelo menos um pesquisador não envolvido no estudo falou positivamente sobre seus resultados: "Esse é um estudo importante que ajuda a tentar entender o risco de homens não circuncidados de contrair HIV", disse ao Gizmodo, por email, Carlos Del Rio, presidente do Departamento de Saúde Global da Escola Rollins de Saúde Pública, da Universidade Emory. "Parece que a maior presença de anaeróbios no microbioma peniano aumenta significativamente o risco."

Entrei em contato com os autores do estudo para determinar o que vem a seguir. Mas se os resultados desse estudo se mantiverem, é possível que certos tratamentos antimicrobianos possam ajudar, junto de outros tratamentos, para reduzir o risco que essas bactérias genitais apresentam.

JOGADOR ENCERRA A CARREIRA PARA DOAR FÍGADO A SOBRINHO: 'NÃO TIVE DÚVIDAS'...

FONTE: CORREIO DA BAHIA (redacao@correio24horas.com.br)
Argentino Alejandro Benítez doou parte do fígado para o pequeno Milo, de 9 meses, que precisava de transplante.
O jogador argentino Alejandro Benítez decidiu encerrar a carreira para salvar a vida do sobrinho. O pequeno Milo, de nove meses, tinha uma obstrução nos vasos que transportam bílis do fígado para a vesícula desde que nasceu e necessitava de um transplante. Benítez então doou parte do fígado para a criança.

"Quando me disseram (que ele era doador compatível), eu não tive dúvidas. Teria que abandonar o futebol, mas não me importei. Isso é mais e jamais vou me arrepender de algo que fiz", contou o agora ex-atacante do modesto Central Larroque, ao canal TN, do seu país.
Segundo Benítez, 30 anos, a cirurgia estava prevista para demorar 3h na criança, mas durou 7h. E nele levou 12h. “Eu tive algumas complicações e os médicos pensaram em suspender tudo, mas que bom que continuaram”, afirmou o tio. 
A cirurgia foi feita no dia 6 de julho e o bebê se recupera bem. Milo é filho da irmã mais velha de Benítez, Natália.

Através do Facebook, o pai de Milo agradeceu ao cunhado pelo gesto. “Não sou de escrever por este meio à exceção de situações que o exigem, mas me ensinaram entre outros valores a ser grato. A vida nos colocou nos últimos anos face a diferentes batalhas que temos sob o lema união e amor. Primeiro Benjamin, batalha que enfrentamos juntos em família. Depois soubemos da doença do Milo, o que nos levou todo este tempo a lutar juntos, unidos e com muito amor de família. (...) Larroque inteira também rezava por Milo e, em uma atitude de grande herói, Lulo [apelido de Alejandro] doou parte do seu fígado para que meu filho possa viver. O seu ato de amor familiar ultrapassou os níveis de coragem e entrega ao seu sobrinho, sem se preocupar com os custos que estes traziam de forma temporária para a sua qualidade de vida. Amor. União. Família é a chave”, escreveu Wilfredo Romani. 

ESTUDO MOSTRA COMO CRIMES AFETAM DESEMPENHO DE JOVENS NA ESCOLA...








DORMIR POUCO PODE CAUSAR DOR DE CABEÇA?...

FONTE:, catherinetaboada, (http://www.msn.com).


Noites mal-dormidas podem causar vários desconfortos, desde irritabilidade até dor de cabeça.

“A qualidade do sono influencia de maneira importante a função de vários sistemas do corpo, incluindo o nervoso central”, explica o neurologista Fábio Porto, do Hospital das Clínicas de São Paulo. “Várias doenças são influenciadas por insônia, desde enxaqueca até problemas cognitivos como falta de memória”, diz ele.

Para reverter esse quadro e melhorar o ciclo do sono, segundo ele, o ideal é criar rotinas no dia a dia.

“Dormir e acordar no mesmo horário, evitar estimulantes (chá, café e energéticos) após as 18h, evitar sonecas prolongadas durante o dia, praticar exercícios físicos regularmente, entre outras atitudes, podem ajudar na qualidade do sono e, assim, reduzir crises de dor de cabeça e outros problemas relacionados a isso”, aconselha o neurologista.

PESQUISADORA CRIA DISPOSITIVO QUE DENUNCIA ABUSO SEXUAL...

FONTE: Leiajá, site parceiro doLeiamais.ba.

Invenção se trata de um adesivo inteligente que pode ser colado em qualquer peça de roupa.

Uma pesquisadora do renomado Instituto de Tecnologia de Massachussets (MIT), nos EUA, criou um dispositivo chamado Intrepid que é capaz de detectar e prevenir agressões sexuais. A invenção se trata de um adesivo inteligente que pode ser colado em qualquer peça de roupa.
O adesivo é conectado ao smartphone do usuário via Bluetooth. Para usá-lo, a pessoa precisa baixar um aplicativo e inserir nele cinco contatos de confiança que serão alertados em qualquer caso de emergência.
A invenção usa informações do meio ambiente para detectar sinais de agressão, como tentativas de remover uma roupa. Nesses casos, o dispositivo enviará uma mensagem ao usuário perguntando se o ato foi desejado ou não, e emite um alerta em caso de resposta negativa ou se for ignorado.

Segundo a desenvolvedora, Manisha Mohan, 70 pessoas testaram o adesivo, que sobrevive até a máquinas de lavar. "Em nome da segurança, muitas vezes as mulheres ouviram que precisam parar de trabalhar ou ficar em casa. Acho que em vez de pedir que elas se isolem, devemos dar mais segurança", informou.

HOMEM JOGA 2 MIL GARRAFAS AO MAR PARA ENCONTRAR AMOR MAS TEM RESPOSTA INESPERADA DE AMBIENTALISTAS...

FONTE: Redação/RedeTV! (http://www.redetv.uol.com.br).


Se sentindo solitário desde o falecimento da esposa, que morreu há um ano e meio após lutar contra o câncer, um inglês de Londres resolveu encontrar uma companheira utilizando uma maneira um tanto não convencional.
Ao contrário de muitos que recorrem a aplicativos de namoro online ou ainda encontros cara a cara, Craig Sullivan decidiu lançar ao mar duas mil garrafas de vidro por praias ao redor de todo o Reino Unido determinado em, assim, encontrar um novo amor.
Não demorou, no entanto, para Craig obter um retorno. Ao contrário do que ele imaginava, a resposta não veio de uma moça apaixonada, mas sim de ambientalistas furiosos com a atitude do homem. De acordo com informações do "Daily Mail", ao menos 30 garrafas foram encontradas somente em uma praia de Swansea, segunda maior cidade do País de Gales.

"Eu fazer uma caminhada a pé e nós vimos cerca de 30 frascos de vidro com tampas. Eles tinham muitas mensagens dentro sobre encontrar o amor e, a princípio, eu pensei que era alguma coisa de namoro, mas ai eu entrei no site dele e tive essa ideia [de procurar os ambientalistas]", contou Walker Helen Gill, de 36 anos, revelando que logo depois entrou em contato com um amigo que trabalha na Sociedade de Conservação Marinha do país.
"É muito romântico, mas ficamos muito preocupado o que as garrafas estavam fazendo ao meio-ambiente. Ele [Craig] disse que não esperava que muitos se juntassem de uma vez, mas que o resto se perdesse ao longo do caminho. As garrafas poderiam ter quebrado e deixado vidro nas praias. Animais na água podem se machucar", continuou a mulher, completando: "Eu espero que ele encontre alguém e faça isso de uma maneira que seja mais amiga do meio-ambiente"
Em sua página do Facebook, o viúvo confessou ter desistido dos planos de encontrar um amor através das garrafas no mar e revelou ter recebido uma onda de mensagens negativas por conta do projeto. Apesar das críticas, ele revelou que não desistirá de encontrar uma companheira.
"Houve uma reação bastante desagradável às minhas intenções, o que não foi a minha intenção. Embora eu esteja sempre aberto a argumentos racionais e debates, isso se tornou muito pessoal e desagradável, então acabou. Isso trouxe uma espécie de ódio irracional e abuso fora da proporção ou intenção original do meu projeto. Tem sido triste ler tudo isso, mas não afetará meu otimismo ou planos para encontrar alguém", escreveu Craig na rede social.

ESTUDO APONTA QUAL HÁBITO É O INIMIGO Nº 1 DE QUEM ESTÁ DE DIETA...

FONTE:, Gislene Pereira, (http://www.msn.com).


A ciência comprova: restaurantes são os sabotadores número 1 da dieta. Uma pesquisa apresentada no congresso do American Heart Association, nos Estados Unidos, acompanhou, por via de um aplicativo, 150 pessoas acima do peso que estavam tentando se manter no regime e emagrecer. Os participantes – em grande maioria mulheres – forneceram informações de onde e com quem estavam, se haviam seguido o que tinham planejado para as refeições e todas as vezes que ingeriram algum alimento fora da dieta ou se sentiram vontade de fazer isso.

O resultado mostrou que a maior tentação em pular a cerca dava as caras quando eles se encontravam em um restaurante ou um bar. E pior: os pesquisadores descobriram que o risco de você escorregar nessas situações é de 60%. O desejo de comer quando estavam em casa, no trabalho, no lar dos amigos ou no carro se mostrou bem menor – nesses locais, o risco de trapacear na dieta cai praticamente pela metade e fica por volta dos 30 a 40%.


O segredo, então, é começar a prestar atenção nas situações em que você se sente mais propensa a sair da dieta e evitá-las. Os pesquisadores preveem que, em breve, existirá um aplicativo capaz de alertá-la com uma mensagem toda vez que perceber que você está se aproximando de algum lugar que vai deixá-la vulnerável. Nada mal, não? Mas até lá é necessário que fiquemos alertas para tentar passar longe das tentações por conta própria.

COMO CORRIGIR SUA POSTURA EM CINCO PASSOS SIMPLES...

FONTE: , Marina Felix, (http://www.msn.com).


Você sente dores nas costas? Quando está em pé seus ombros tendem a cair para a frente?  Geralmente, o que causa o problema é a postura errada. A falta de alinhamento pode piorar se não for tratada. A boa notícia é que, na maioria dos casos, ela pode ser corrigida.

A postura correta consiste em ambos os polegares apontando para frente e os ombros alinhados.  Ortopedistas e fisioterapeutas conseguem identificar os pacientes que não seguem esses padrões a partir testes. Assim,  é definido o melhor tratamento para cada caso.

Sabe-se que alguns exercícios podem ajudar a manter os ombros na posição correta e aliviar o stress causado pela má postura. Assim como os músculos e as articulações, a coluna também pode ser treinada para encontrar o seu alinhamento. A rotina de exercícios pode ser feita em 20 a 30 minutos por dia, ou pelo menos três vezes por semana. As informações foram dadas pelo fisioterapeuta americano Gregory Minnis, segundo o portal Medical News Today,

Passo 1: ‘Aperto de mãos’.

Esse exercício é simples e pode ser feito todos os dias. Em pé, você deve juntar as mãos atrás do corpo, como se estivesse fazendo um aperto de mãos em si mesmo. Então, suavemente, com as mãos ainda unidas, você deve puxar os ombros para trás sem mover o pescoço. Os ombros devem ser puxados até o peito se abrir e sentir o estiramento dos músculos. Essa posição deve ser realizada por 30 segundos.

Passo 2: ‘Batente da porta’.

Depois dos ombros, o peito também precisa ser alongado para manter a postura firme. Uma forma simples de fazer isso é utilizando o batente de uma porta. Em pé, de frente para a porta, você deve colocar as mãos no batente, um pouco acima da altura de sua cabeça. O pé deve ficar um pouco à frente do batente. Esse exercício permitirá alongar tanto o peito quanto os ombros. O ideal é fazê-lo por 30 segundos.

Passo 3: Escápulas.

Segundo os especialistas, esse exercício ajuda o corpo a perceber como uma boa postura deveria ser. Sentado, você deve tentar unir as escápulas – os ossos das costas que ficam atrás dos ombros – como se estivesse tentando segurar uma bola de tênis entre elas. Enquanto elas flexionam, os ombros devem se mover para baixo, em relação às orelhas. Esse exercício pode ser feito por 10 segundos e repetido 10 vezes diariamente.

Passo 4: Alongamento deitado.

Passo 4: Alongamento deitado.

Esse treino pode ser feito pela manhã, depois de acordar, ou à noite, antes de dormir. Você deve estar deitado, com as costas na cama e os pés no chão. Nessa posição, os joelhos devem estar flexionados e para cima. Enquanto isso, os braços devem ficar estendidos longe do corpo, com as palmas das mãos para cima. Você deverá sentir um leve alongamento nas costas e nos ombros. Para melhores resultados, esse exercício pode levar até 10 minutos.

Passo 5: Alongamento na parede.

O alongamento na parede é um dos exercícios mais importantes para quem tem os ombros caídos. Ele consiste em encostar o cóccix, a cabeça e toda a extensão das costas contra a parede. Os pés devem estar posicionados um pouco longe da parede. Então, os braços devem ser pressionados contra a parede, mantendo os ombros em um ângulo de 90 graus. Essa posição pode ser mantida entre 30 segundos a um minuto para garantir o alongamento.

Prevenção.

Pode levar algum tempo para notar o ajuste nos ombros, mas é melhor não se apressar ou forçar o corpo para uma posição que não seja confortável. Os exercícios ajudam, mas devem ser um complementar a mudança de hábito. Ou seja, é preciso treinar sempre para mantê-la correta ao longo do dia.

15 EXERCÍCIOS PARA MANTER O CÉREBRO EM FORMA...

FONTE: Júlia Arbex,(http://anamaria.uol.com.br).


Conheça as razões mais comuns do esquecimento temporário ou permanente e aprenda técnicas simples para turbinar seu poder de concentração e lembrança.

Principais causas da falta de memória.


FALTA DE ATENÇÃO.
A grande maioria das pessoas, em algum momento, já esqueceu o que ia pegar na geladeira, onde guardou a chave de casa ou o que vestiu no dia anterior. “Lapsos de memória são pouco frequentes e não muito intensos. Podem ocorrer por vários motivos, desde envelhecimento até doenças neuropsiquiátricas”, explica Fábio Porto, neurologista do Hospital Moriah e do Hospital das Clínicas, ambos de São Paulo. No entanto, este tipo de apagão acontece por falta de concentração, uma vez que o lobo frontal, responsável pela atenção e pelas memórias transitórias, tem capacidade limitada de armazenamento. Portanto, só tem chances de ir para a lembrança permanente o que for selecionado pela concentração.

ESTRESSE CRÔNICO
Tanto a exaustão quanto a ansiedade podem prejudicar a memória e o foco. Por que isso acontece? Quanto mais o cérebro está sobrecarregado, mais difícil será para conseguir se concentrar e guardar novas informações. Por isso, relaxe o corpo e a mente sempre que puder.

TRAUMAS PSICOLÓGICOS.
Dependendo do abalo, a pessoa pode esquecer episódios relacionados ao tal evento.

TOXINAS.
O excesso de bebidas alcoólicas e drogas ilícitas age diretamente no sistema nervoso, diminuindo a função cerebral e ainda prejudicando neurônios de determinadas áreas do cérebro.

AMNÉSIA.
“Não é uma doença, mas um sintoma. Pode ser resultado de envelhecimento, deterioração das células cerebrais, infecções na região, lesões traumáticas (batida de carro) e doenças neurológicas degenerativas, como Alzheimer”, diz Porto. Existem alguns tipos do distúrbio, mas as principais são:
Anterógrada: a pessoa lembra de eventos que aconteceram no passado, mas não consegue recordar o que houve recentemente.
Retrógrada: alguém que se lembra apenas dos acontecimentos mais recentes, mas apaga da memória eventos distantes.

DOENÇA DE ALZHEIMER:
“Trata-se de uma doença neurodegenerativa que se agrava com o passar dos anos. É a principal causa de perda progressiva de memória, atenção e linguagem na terceira idade”, esclarece. Além disso, a doença pode ser definida como uma dificuldade em aprender coisas novas e lembrar fatos recentes.

Treino virtual grátis.
Um grupo de neurocientistas desenvolveu a plataforma Mente Tubinada, que oferece uma programação semanal de treinos para a mente ficar em forma. Os jogos são selecionados de acordo com as habilidades do seu perfil pré- cadastrado. Para pessoas de todas as idades, a Mente Turbinada está disponível em site (menteturbinada. com.br) e aplicativos para celular (Android e iOS). E é gratuito!

Malhação antiapagão!
Assim como qualquer órgão do corpo, nosso cérebro precisa ser estimulado para não ficar preguiçoso nem parar de funcionar. A seguir, selecionamos algumas técnicas para deixar a sua mente sempre afiada:

1 Ao deitar, lembre desde quando acordou até as pessoas que encontrou – e quais roupas usavam.

2 Pratique atividades que exijam concentração e raciocínio, como leitura, palavras cruzadas, quebracabeça, sudoku, dominó e baralho.

3 Realize algo capaz de estimulá-la, como dança ou teatro.

4 Faça exercícios aeróbicos. Vale caminhada, bicicleta ou corrida.

5 Leia jornal, revista ou, ao menos, um capítulo de livro ao dia.

6 Assista a um filme e depois conte, em detalhes, a história do longa para alguém.

7 Mude a localização de objetos que costuma pegar sem pensar.

8 Durma bem e respeite a quantidade de horas de que seu organismo necessita. O sono é essencial para fixar as atividades do dia, além de prepará-la para as tarefas do seguinte.

9 Mantenha uma alimentação equilibrada, controlando a pressão e o colesterol.

10 Malhar regularmente melhora a oxigenação cerebral.

11 Evite o excesso de tabagismo e bebida alcoólica.

Cartas na manga!
Visando melhorar a memória e a concentração, Carla Silva criou a obra Ginástica Cerebral. Em forma de caixinha, o livro traz 100 cartas, cada uma com uma dica para malhar a mente. Confira quatro exercícios:

1 Diga em voz alta os dias da semana na ordem inversa. Depois, fale em ordem alfabética.

2 Escolha um objeto e diga dez coisas diferentes que você poderia fazer com ele.

3 Vá ao dicionário, escolha uma palavra que não conhece e use-a em vários momentos do dia.


4 Coloque uma revista de cabeça para baixo e comece a ler.